Quer fazer Cursos Bíblicos Grátis?Clique Aqui para Saber
Ver Site Móvel

Sandrinha - Músicas gospel - Clipes Oficiais

Músicas da cantora gospel evangélica Sandrinha em vídeos do YouTube. Leia Mais »

Ebook Salve Maria do Pastor Antônio Malta

Sinopse do livro Ebook Salve Maria, do Pastor Antônio Malta, história bíblica sobre a mãe de Jesus. Leia Mais »

Os Dez Mandamentos da Lei de Deus

Os Dez Mandamentos da Lei de Deus, conforme Deus ditou a Seu servo Moisés e escreveu com o dedo na pedra da montanha. Leia Mais »

Bons pensamentos, mal pensamentos - Creia em Deus

Bons pensamentos, mal pensamentos, creia em Deus. Com Deus você estará seguro e terá sempre bons pensamentos. Leia Mais »

16 Frases Bíblicas sobre Crianças

A Bíblia traz muitas frases referentes às crianças. Estas são apenas 16 dessas frases. Leia Mais »

 

Sobre a Parábola dos cinco talentos

Analisando a parábola dos cinco talentos, podemos concluir facilmente que não existe nenhum erro em uma pessoa aplicar o dinheiro que tenha recebido, a fim de ganhar mais dinheiro com os juros e correção monetária.

Pois os três servos da história receberam dinheiro, assim como qualquer um de nos receberíamos.

O primeiro trabalhou o dinheiro de modo a que rendesse juros. Isto é, dobrou o dinheiro, dentro de algum tempo. A parábola não explica em quanto tempo ele dobrou o dinheiro.

O segundo fez a mesma coisa.

Já o terceiro errou, pois, com medo de perder o dinheiro que recebera, cavou um buraco no chão e o escondera.

Desde pequeno, ouço histórias de pessoas que guardam dinheiro embaixo do colchão. Ou dentro do colchão. Ou ainda enterrados no quintal.

Muitos tiveram seu dinheiro desvalorizado devido à mudanças do padrão monetário do país.

E quantos morreram na miséria e seus familiares só foram descobrir o dinheiro, e ainda por acaso, quando desfizeram dos bens dele?

Mas, será que todo mundo age de maneira correta?

Voltando à parábola, já que é permitido ganhar juros e correção monetária com o dinheiro que recebemos, deduzimos que os bancos fazem isso corretamente, em benefício deles próprios e da sociedade.

Mas, por que os bancos e muitas pessoas que emprestam dinheiro cobram juros tão altos? Estão corretos agindo assim? Não! Pois agem como usurários.

Segundo a Bíblia, eles agem de forma incorreta. Pois, várias passagens citam o avaro ou avarento como um pecador, porque cometem o pecado da usura. E citam que eles não têm lugar no céu. Ou seja, se assemelham aos idólatras, aos beberrões; todos citados na Bíblia.

“nem os ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.”

(1 Coríntios 6.10)

Conforme: (Mateus, 25.14-30)

Glossário:

Avareza – Substantivo feminino – 1. Excessivo e sórdido apego ao dinheiro; enganação; 2. Falta de generosidade, mesquinhez.

Avaro – Adjetivo – Que tem avareza, que é sórdido e excessivamente apegado ao
dinheiro; V. avarento.

Usura – Substantivo feminino – Juro excessivo, exorbitante; onzena.

Usurário – Adjetivo, Substantivo masculino – 1. Que ou aquele que usura; 2. Agiota; 3. Avaro

Fonte: Dicionário Aurélio

Post Footer automatically generated by wp-posturl plugin for wordpress.

The following two tabs change content below.
Bacharel e Licenciatura em Matemática pela USJT-SP. Mestrado em Matemática pela PUC-SP. Estudos Bíblicos na Escola Dominical da Igreja Presbiteriana. Estudos Bíblicos com o Pastor Anderson Beiral, Mestrado em Liderança pela Andrews University. Pouso Alegre, Sul de Minas Gerais, Brasil. Autor dos livros: Mokolóton, Mokolóton Extraterrestre, Keity e as Meninas, O Porquinho no Espelho, O Ursinho Chorão, A Campainha Luminosa, A Figurinha Roubada, O Pintinho Amarelinho e os Patinhos Nadadores, O Ursinho Chorão e Outras Histórias, Palavras que Transformam, Orações ao Senhor Deus, Poesias Evangélicas, Sonetos de José Guimarães.

Comente com Facebook

Comentários com Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>