Jesus anuncia sua morte mais uma vez

Jesus anuncia mais uma vez sua morte, quando Ele e seus Apóstolos subiam para Jerusalém


Disse-lhes Jesus:

“Estamos subindo a Jerusalém, e o Filho do homem será entregue aos principais sacerdotes e aos escribas. Condená-lo-ão à morte, e o entregarão aos gentios, que escarnecerão dele, o açoitarão, cuspirão nele e o matarão. Ao terceiro dia ele ressurgirá.”
Marcos 10.32-33

Jesus sabia que passaria por tudo o que descrevera a seus Apóstolos porque foi enviado por Deus para pagar o pecado da humanidade.

Ele tinha poder para fugir dessa triste passagem, no entanto não o utilizava porque se assim o fizesse estaria a negar a missão que recebera de salvar a humanidade de seus pecados.

Pois o Profeta Isaías já havia escrito muito tempo antes de Ele nascer sobre seu destino.

O Profeta Isaías escreveu:

“Era desprezado, e o mais indigno entre os homens, homem de dores, e experimentado no sofrimento. Como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum.”

Tem mais, pois o Profeta Isaías ainda escreveu:

“Verdadeiramente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; contudo, não o consideramos como aflito, ferido de Deus, e oprimido.”

“Mas Ele foi ferido pelas nossas transgressões, e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.”

“Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas, cada um se desviava pelo seu caminho; e o Senhor fez cair sobre Ele a iniquidade de nós todos.”

“Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a sua boca, como cordeiro foi levado ao matadouro, e como a ovelha muda perante os seus tosquiadores, Ele não abriu a sua boca.”
Isaías 53.3-7

Fique com a Paz de Jesus

Comente com Facebook

Comentários com Facebook

José Guimarães e Silva

José Guimarães e Silva é autor dos livros: Poesias Evangélicas, Orações ao Senhor Deus e Palavras que Transformam.

O Senhor é o meu Pastor, nada me faltará.

2 thoughts to “Jesus anuncia sua morte mais uma vez”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *