As Chagas Malignas no Corpo de Jó

Conforme lemos na Bíblia o estrago que Satanás faz na família de Jó. Ele não fica satisfeito, porque acha que Jó não foi ferido na carne. Sua ideia era que Jó sentisse dor, muita dor. Assim, com a permissão do Senhor Deus, para provar a fidelidade de seu servo Jó, Satanás coloca muitas chagas malignas no corpo de Jó.

As Chagas Malignas no Corpo de Jó

Nossa história continua assim: Depois que Satanás sai da presença do Senhor Deus e fere o corpo de Jó sem dó nem piedade. O servo de Deus passa a sofrer com chagas malignas.

A Bíblia conta que tudo o que Jó conseguiu fazer de imediato foi tirar a roupa. A gente imagina que ele fez isso para poder coçar o corpo e se deitar na cinza.

Como a coceira incomodava muito, Jó arranjou um pedaço de telha para com ele se coçar. Sabemos que quanto mais a gente coça uma ferida que nos incomoda, mais ela fica em carne viva e mais surge o desejo de coçar. Assim, a pessoa se vê desesperada e não consegue ficar um minuto sequer sem coçar alguma parte do corpo.

Devemos supor que além de coceira Jó sentisse muita dor. O texto bíblico diz que o homem estava com o corpo em carne viva, de tanto coçar. Nem dá para imaginar como uma pessoa consegue suportar tanta dor, com humildade, sem reclamar.

chagas-malignas-corpo-jo-servo-deus

É bom que nos lembremos também que os ferimentos de Jó se alastraram desde o ponto central da cabeça, até à sola dos pés. Dá para imaginar, então, o desespero de Jó ao sentir tantas feridas vivas. Sabendo que elas consumiam cada milímetro de seu corpo.

O mais triste disso tudo é que, em vez de dizer-lhe palavras amigas, de conforto, que o ajudasse a suportar a dor, a mulher de Jó (não encontramos o nome dela na Bíblia) lhe disse:

– Ainda conserva a tua integridade?

Isso porque, apesar das dores todas, Jó permanecia fiel ao Senhor Deus. Pois, segundo ele, Deus dá e Deus tira. Disse Jó que, se aceitamos as coisas boas vindas de Deus, também devemos aceitar as não-boas. Sabemos hoje que quanto mais reclamamos de nossas dificuldades, dívidas e doenças, mais elas aumentam e nos atormentam.

A mulher de Jó, no entanto, além de não aceitar o fato de o esposo ficar doente, ainda o incitava:

– Amaldiçoa a Deus, e morre.

Isso é o que muita gente faz na hora do desespero. Lembra-se de olhar para o alto e cobrar de Deus sua impassibilidade diante do sofrimento delas. Muitas chegam a dizer:

– Por que Deus permitiu que isso me acontecesse? Eu pensei que Deus fosse meu amigo.

Outras dizem que não acreditarão mais em Deus.

No entanto, quando em situação de fartura, em que tudo o que se planta colhe, pouco se lembra de olhar para o alto e agradecer a Deus, de louvar a Deus:

“Ó, Senhor Deus, meu Pai e meu Amigo, eu o agradeço por todas as bênçãos que me concede neste momento!”

Voltando à mulher de Jó, tudo o que seu esposo lhe disse foi:

– Como fala qualquer doida, assim falas tu. Receberemos o bem de Deus, e não receberemos o mal? Em tudo isso não pecou Jó com os seus lábios.

Jó 2.7-10

Muito obrigado por assinar nosso feed.

Que Deus o ilumine e o ajude a compreender ainda mais sua Palavra.

José Guimarães

The following two tabs change content below.
Escrever, ler, estudar a Bíblia, orar pelas pessoas... É isso o que José Guimarães e Silva faz questão da fazer, diariamente. Também ir às igrejas e ouvir pregações acaloradas. Louvar o nome do Senhor Jesus. Fez estudos bíblicos na Escola Dominical da Igreja Presbiteriana de Pouso Alegre. Também fez estudos bíblicos com o Pastor Anderson Beiral, que faz Mestrado em Liderança pela Andrews University. E também com o Irmão Flávio. Reside atualmente em Cuiabá, Mato Grosso. José Guimarães e Silva é autor dos seguintes livros: Poesias Evangélicas, Orações ao Senhor Deus e Palavras que Transformam. Meu lema é: Quem não vive para servir, não serve para viver. O Senhor é o meu Pastor, nada me faltará.

Latest posts by José Guimarães e Silva (see all)

Comente com Facebook

Comentários com Facebook

Leave a comment