Mensagem Bíblica de Tiago – Devemos Guardar a Língua

Mensagem Bíblica de Tiago – Devemos Guardar a Língua. Devemos prestar atenção naquilo que falamos e cuidar para que não saia de nossa boca palavras vãs. Palavras de impropérios, de ofensas e de maldade para com outras pessoas.

Devemos guardar a língua

A Bíblia nos traz esta belíssima mensagem. Você a encontra no livro Tiago, versículo três.

Qual é o teor dessa mensagem?

Tiago prega aos cristãos a necessidade de todos aprenderem a guardar a língua. Isto é, tomar cuidado para falar apenas palavras construtivas.

Isto é, prestar atenção nas palavras ditas, muitas vezes, espontaneamente, mas que ferem as pessoas que as ouvem.

Por exemplo, quantas e quantas vezes ouvimos a expressão: “Ah, aquele peste não vale nada! Não vale a comida que come!”, em referência a alguém que a pessoa que fala está com raiva.

E quando a mãe ou o pai diz para o filho, então, pior ainda! Porque tais palavras ficam gravadas na mente do filho do casal, e a revolta surge de dentro dele contra os pais.

mensagem-biblica-devemos-guardar-lingua

A raiva é uma manifestação de pecado. Devemos nos livrar dela. Ainda que nos seja difícil. Portanto, livre-se da raiva. Livre-se do ato de dizer palavras ofensivas.

Devemos nos livrar ainda de provocar raiva em outras pessoas. Seja por brincadeira, seja por deixa-la furiosa contra alguém que ela diz que não gosta. Tudo isso é ruim demais aos olhos do Senhor Deus, conforme nos deixou escrito o seu filho unigênito, Senhor Jesus Cristo.

Devemos nos livrar também, e muito, das palavras derrotistas que proferimos, às vezes. Ou que pensamos. Tais como: “Eu não consigo fazer nada sem errar. Como sou distraído(a). não consigo prestar atenção em nada”.

Vejamos o que Tiago nos diz, no texto bíblico abaixo:

Palavras do Apóstolo Tiago

“Meus irmãos, não sejais muitos de vós mestres, sabendo que receberemos um juízo mais severo.

Todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça em palavra, esse homem é perfeito, e capaz de refrear todo o corpo.

Ora, quando pomos freios na boca dos cavalos, para que nos obedeçam, conseguimos dirigir todo o seu corpo.

Vede também os navios que, sendo tão grandes, e levados por impetuosos ventos, com um pequenino leme se voltam para onde queira o impulso do timoneiro.

estudos-biblicos-devemos-guardar-lingua-palavras-paulo

Assim também a língua é um pequeno membro, e se gaba de grandes coisas. Vede quão grande bosque um tão pequeno fogo incendeia.

A língua também é fogo, mundo de iniquidade situada entre os nossos membros. Ela contamina todo o corpo, inflama o curso da natureza, e é por sua vez inflamada pelo inferno.

Toda espécie de feras, de aves, de repteis e de animais do mar se doma, e tem sido domada pelo gênero humano, mas a língua, nenhum homem a pode domar. É mal incontido, está cheia de peçonha mortal.

Com ela bendizemos ao Senhor e Pai, e também com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus.

Da mesma boca procedem benção e maldição. Meus irmãos, não convém que isto seja assim.

Pode a fonte jorrar do mesmo manancial água doce e água amargosa?

Meus irmãos, acaso pode uma figueira produzir azeitonas, ou uma videira figos?

Tampouco pode uma fonte de água salgada dar água doce.”

Tiago 3.1-12

Comente com Facebook

Comentários com Facebook

Leave a comment

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d blogueiros gostam disto: