Todo reino dividido contra si mesmo acabará em ruína

Todo reino dividido contra si mesmo acabará em ruína. Estudo bíblico sobre a Palavra de Deus. Lições da Bíblia para ajudar os homens e mulheres a viverem em paz e harmonia. 

Estudos Bíblicos sobre versículos do livro Mateus, Evangelho do Novo Testamento, e Levítico, Antigo Testamento. O Evangelho de Mateus nos diz que Quando um reino é dividido contra ele mesmo acabará em ruína.

Todo reino dividido contra si mesmo

Todo reino dividido contos estudos bíblicos
Todo reino dividido contra si mesmo acabará em ruína

“Todo reino dividido contra si mesmo acabará em ruína, e toda cidade ou casa, dividida contra si mesma, não subsistirá.”

Mateus 12.25

Uma casa em que o homem discute com a mulher sobre determinado assunto e, em vez de os dois entrarem em acordo, brigam ainda mais, acaba dividida.

Pois cada um dos cônjuges achará que está certo a seu modo. E passa a agir da maneira que pensa que está certo, desagradando ao outro cônjuge.

Os filhos começarão a se dividir também, pois cada um deles terá um critério diferente para avaliar quem está certo ou errado. Eles decidirão a ao modo deles se o pai está certo ou se a mãe está certa.

 

Pois pelas tuas palavras serás justificado e pelas tuas palavras serás condenado.

Mateus 12.37

Quando Jesus disse aos homens que o questionaram quanto à prática de seus discípulos comerem as frutas sem lavar, ele disse que o que contamina o homem não é o que entra pela boca do homem, mas sim o que sai da boca do homem.

As palavras são muito importantes em praticamente todos os momentos de nossa vida.

Quando estamos no trabalho e dizemos a algum companheiro ou companheira de trabalho uma palavra que seja que o ofende, estamos nos condenando a ganhar inimizade dessa pessoa.

Ela dará a nós certamente uma resposta que não nos agradará também. Com isso surge uma espécie de revolta íntima e cada um passará a agir de modo que ofenda o companheiro ou companheiro.

Isso é muito ruim, pois dificulta o relacionamento entre as pessoas que convivem juntas sob o mesmo teto.

No trânsito, então, seria muito bom se os dois motoristas ouvissem um ao outro, em vez de falarem ao mesmo tempo o apontarem o dedo para o outro dizendo que o culpado é ele.

Ainda que a pessoa seja culpada ela soberbamente recusa a admitir a culpa. Então, fala palavras que ofenderá seu interlocutor. Daí, a briga surge. Sempre. Infelizmente.

Humilhai-vos perante Senhor Contos Estudos Bíblicos
Humilhai-vos perante o Senhor

Eu sou o Senhor vosso Deus; consagrai-vos, e sede santos, porque sou santo. Não contaminareis com nenhuma criatura que se arrasta sobre a terra.

Levítico 11.44

Deus está dizendo que cada um de nós deve ser santo. Não um falso santo, que se comporta de maneira correta diante daquele que comanda e se transforma num ser diferente quando está distante dessa pessoa.

Pois a Bíblia diz que Deus é santo e Ele não muda. Assim, entendemos que Ele foi o mesmo na Criação, no Antigo Testamento, e nos tempos que estamos vivendo hoje, Novo Testamento.

Ora, se Deus não muda, por que nós deveremos mudar?

Conforme esse versículo diz, a criatura que se arrasta pela terra deve ser certamente aquela pessoa que só anda na marginalidade e pratica atos infames que prejudicam seus semelhantes.

Quando uma pessoa decide andar com alguém assim, aceitará com facilidade a incumbência de fazer o que ela manda. Dentro de pouco tempo já estará contaminada.

Seria como dizer aquela frase: “Diga-me com quem andas que eu te direi quem você é”.

Andar com alguém que é contaminado pelo mal e dizer que não é contaminado pelo mal seria como dizer que é algo impossível de acontecer, pois uma pessoa sempre acaba fazendo o que a outra faz.

Então, afaste-se da criatura que se arrasta sobre a terra. “Bem-aventurado é o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.” (Salmo 1.1).

Infelizmente, nós podemos dizer também que toda casa dividida contra si mesma também acabará em ruína.

Pois numa casa em que seus moradores não entendem uns aos outros ou fazem de conta que convivem sem serem sequer amigos, as brigas surgem praticamente todos os dias. Um decide que devem comprar uma geladeira, outro acha que devem comprar um fogão. Ficam assim na briga entre comprar geladeira ou fogão quando, com um pouco de entendimento, comprariam a geladeira na data que pré-determinam e o fogão um ou dois meses depois.

Quantas brigas deixariam de existir se os filhos ouvissem os pais! E se também os pais deixassem suas arrogâncias e conhecimentos de lado e ouvissem os filhos, que com os estudos modernos têm, com certeza, ideias diferentes das dos pais, mais que trarão benefícios a todos os moradores da casa.

Para exemplificar isso, ontem eu queria descobrir um artigo publicado há dias na nossa página de fãs e minha filha Luíza, de dezoito anos, me disse para usar as teclas “Ctrl + F“. Eu conheço o funcionamento dessas duas teclas juntas, mas não sabia que funcionam no Facebook.

Amados, unam-se em seus lares! Sejam amigos uns dos outros. Nas reuniões festivas, evitem conversar sobre assuntos que provocarão discórdias. Siga as orientações do apóstolo de Jesus, Tiago:

“Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem fala mal de um irmão, e julga a seu irmão, fala mal da lei, e julga a lei. Ora, se julgais a lei, não és observador da lei, mas juiz.

“Só há um legislador e juiz, aquele que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas ao próximo?”

Tiago 4.11,12

Muito obrigado por visitar, ler e compartilhar artigos do blog:

Contos e Estudos Bíblicos

Receba posts do blog Contos e Estudos Bíblicos em seu e-mail.

Siga o blog Contos e Estudos Bíblicos no Twitter.

Curta a página de fãs do blog Contos e Estudos Bíblicos no Facebook.

Comente com Facebook

Comentários com Facebook

José Guimarães e Silva

José Guimarães e Silva é autor dos livros: Poesias Evangélicas, Orações ao Senhor Deus e Palavras que Transformam.

O Senhor é o meu Pastor, nada me faltará.

One thought to “Todo reino dividido contra si mesmo acabará em ruína”

  1. Jesus quando esteve aqui na terra ensinou para os seres humanos a importância de terem no coração o amor de Deus sobre as suas vidas. Amor este inigualável para todos nós, que devemos com muito afinco introduzi-lo em nossas vidas sempre seguindo as ordens do Mestre Jesus Cristo, amar a Deus de todo o nosso coração e ao nosso semelhante como a nós mesmos. O amor de Deus deve permanecer sempre em nossos corações. Que a graça de Deus e a paz de Jesus Cristo estejam sempre em nossas vidas.
    Atenciosamente
    Ev. Luiz Carlos Freire

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *