Categoria: Deus

1 comentário

Guerra de Nove Reis no Vale de Sidim – Rei Quedorlaomer e Aliados

em Contos Bíblicos, Gênesis

Estudos BíblicosA Guerra de Quatro Reis contra Cinco Reis no Vale de Sidim. Quedorlaomer, rei de Elão, se reúne a outros reis para atacar cidades que antes eram servidoras do império dele.

O Vale de Sidim é citado na Bíblia, no livro de Gênesis 14, como o local em que quatro reis lutaram contra cinco reis.

A Bíblia diz que o Vale de Sidim é o atual Mar Salgado.

Quando aconteceu o combate?

O combate aconteceu na época em que Abraão montou suas tendas no local chamado Carvalhaes de Manre. Ficava perto do rio

Hebrom. Nesse local, Abraão edificou um altar ao Senhor Deus.

Os quatro reis aliados de Quedolaomer 

Os quatro reis que se juntaram para combater os outros cinco reis eram:

Anrafel – rei de Sinear.

Arioque – rei de Elasar.

Quedorlaomer – rei de Elão.

Tidal – rei de Goim.

Os cinco reis eram formador por:

Berá – rei de Sodoma.

Birsa – rei de Gomorra.

Sinabe – rei de Admá.

Semeber – rei de Zeboim.

Por último se juntou a eles o rei de Belá, cidade também chamada de Zoar. (A Bíblia não cita o nome do rei de Belá, no livro de Gênesis.)

Por que aconteceu o combate?

Aconteceu o combate porque Quedorlaomer, rei de Elão, dominava os cinco reis. De modo que durante doze anos esses cinco reis se tornaram servos dele. Isto é, o serviam como se fossem escravos dele.

Os cinco reis não tinham como se livrar do domínio de Quedorlaomer, talvez porque ele fosse poderoso e tivesse um exercito maior que o deles.

estudos-biblicos-guerra-nove-reis-vale-sidim

Então, os cinco reis decidiram unir suas forças para enfrentar o império de Quedorlaomer. Procedendo desse modo, a primeira providencia que tomaram foi suspender a servidão deles ao rei de Elão.

Assim, ao término de doze anos de escravidão, puseram fim à obrigação que lhes foi imposta de servir outro reino, que não era deles.

O que fez Quedorlaomer quando soube?

Quando o rei Quedorlaomer soube da franca decisão dos cinco reis de pararam de servi-lo como se fossem seus vassalos, ficou furioso. Então, convocou três reis amigos do reino dele e os quatro juntos combinaram atacar os reis que se rebelaram.

Por isso, a Bíblia narra esse combate como “Guerra de Quatro Reis contra Cinco”, no livro de Gênesis, capítulo 14.

Os ataques de Quedorlaomer e seus aliados

Dois anos depois de os reis se rebelarem, Quedorlaomer e seus aliados passaram aos ataques às cidades dos reis rebeldes.

Entraram em Asterote-Carnaim e feriram o povo conhecido por refains.

De seguida, invadiram a localidade chamada de Hã e feriram os zuzins.

Na sequencia de suas invasões sanguinárias, entraram na cidade chamada Savé-Quiriataim e feriram os emins.

Contudo, a fúria de Quedorlaomer não parou nesses ataques. Pois, ele e seus aliados decidiram atacar também os povos conhecidos por horeus, que habitavam no Monte Seir.

Feriram o povo da região de Monte Seir e atingiram a localidade de nome El-Parã, que ficava perto do deserto.

Gênesis 14.1-8

Continuaremos essa história em posts futuros. Aguarde.

1 comentário

Estudos sobre o Rio Eufrates, localizado na Ásia

em Estudos Bíblicos, Gênesis

Publicamos neste artigo do blog Contos Bíblicos nossos estudos referentes ao Rio Eufrates.

O Rio Eufrates se localiza no sudoeste da Ásia. Nasce a leste da Turquia central e é formado pela confluência de dois rios: o Rio Karasu (Eufrates Ocidental) e o Rio Murat (Eufrates Oriental).

Ele corre em direção ao sudeste, sudoeste e sul da Turquia. E depois segue seu percurso em direção ao sudeste da Síria. Continua seu caminho até alcançar o Iraque, para mais tarde desembocar no Golfo Pérsico.

Ao longo de sua extensão o Rio Eufrates alcança 2.735 quilômetros de comprimento. No entanto, conforme vimos no post sobre o Rio Tibre e o Rio Tigre, o Rio Eufrates se junta ao Rio Tigre. E os dois juntos formam o grande Rio Shatt-al-Arab. É com esse nome que os dois rios atravessam o Iraque. Porém, depois se separam novamente em dois rios e desembocam no Golfo Pérsico.

estudos-biblicos-rio-eufrates-genesis-asis

O Golfo Pérsico, por sua vez, é formado pelo Mar da Arábia.

O Rio Eufrates aparece muito nos compêndios de História Geral, assim como também o Rio Tigre. Ele desempenhou uma função muito importante no sistema de irrigação da antiga Mesopotâmia.

O rio é navegável apenas em alguns trechos

Num trecho compreendido entre seu longo percurso, a saber 725 quilômetros, o Rio Eufrates é navegável por barcos de pouca tonelagem. Isto é, barcos de pequenas dimensões, que transportam poucas cargas.

Algumas eclusas e canais

Algumas eclusas e canais foram construídos ao longo de seu percurso pelos homens. Nesses trechos o nível da água é maior que em outros trechos do percurso.

Cidades antigas nas margens do rio

Foi exatamente no vale formado entre os Rios Tigre e Eufrates que surgiram diversas civilizações antigas, algumas das quais estudamos em História Geral: Assíria, Babilônia e Suméria. Em suas margens foram também construídas as conhecidas cidades que estudamos na Bíblia: Babilônia e Ur.

Muito obrigado por receber postagens do blog:
Contos e Estudos Bíblicos por Email

Crédito da imagem: http://www.imageafter.com/

1 comentário

Diferenças entre o Rio Tibre e Rio Tigre

Publicamos este artigo no blog Contos e Estudos Bíblicos com o objetivo de mostrar as diferenças entre o Rio Tibre e o Rio Tigre.

A Diferença entre o Rio Tibre e o Rio Tigre

Este artigo servirá de base à postagens futuras. O Rio Tigre aparece com frequência no primeiro livro da Bíblia Sagrada. Ou seja, mais precisamente, no livro de Gênesis.

Muitos alunos do curso médio confundem, quando estudam História Geral, o nome dos rios Tibre e Tigre.

Quando a prova é de múltipla escolha e aparecem alternativas com o nome dos dois rios, então, a situação se complica ainda mais.

Vamos agora estudar a localização de cada um desses rios. Quem sabe isso o ajude a esclarecer alguma dúvida sobre eles.

Rio Tibre

O rio Tibre fica na Itália. Nasce nos Apeninos. Depois corre na direção sul do país. Atravessa a Úmbria. Continua seu percurso até ganhar a direção do Lácio.

A Úmbria (Umbria em italiano) é uma região central com 8456 Km². Sua capital é Perugia ou Perúsia. Faz fronteiras com a Toscana (a oeste), as Marcas (a leste) e com o Lácio (ao sul). É composta das seguintes províncias: Perugia ou Perúsia e Terni.

O nome Lácio se deriva do latim Latium. Em italiano, Lazio. É uma região central da Itália com 17.203 Km². Sua capital é Roma. Ao norte limita-se com a Toscana e Úmbria. A leste com Marche, Abruzzo e Molise. Ao oeste com o Mar Tirreno. E ao sul com a Campânia. Tem cinco milhões de habitantes.

O Rio Tibre segue seu trajeto até desembocar no Mar Tirreno. Esse mar fica perto de Roma, capital da Itália. Só que nessa região ele se divide em dois rios. Isto é, forma um delta que beneficia ainda mais a população ribeirinha.

Então, para facilitar seu aprendizado, lembre-se de que o Rio Tibre é o que passa pela cidade de Roma. Ou seja, pela Itália.

Vamos agora estudar o Rio Tigre.

 

Rio Tigre

O Rio Tigre se localiza no sudoeste da Ásia. Nasce na Turquia e atravessa o Iraque. Segue seu curso até desembocar no Golfo Pérsico.

O Rio Tigre aparece muito na Bíblia e também nos compêndios de História Geral, em parelha com o Rio Eufrates. Falaremos do Rio Eufrates mais tarde, porque o citaremos em vários estudos bíblicos.

O Rio Tigre tem 1.850 quilômetros de extensão. Ele é formado por dois pequenos rios que vêm do planalto da Anatólia.

Esses pequenos rios formam uma confluência em formato de um til (~). E correm os dois juntos na direção sudeste banhando o Iraque.

O Rio Tigre possui vários afluentes. Porém, os principais são: o Pequeno Zab, o Grande Zab, o Diyala e Adhaim.

 

diferenca-entre-rio-tibre-rio-tigre

A Diferença entre o Rio Tibre e o Rio Tigre

 Imagem meramente ilustrativa

Rio Eufrates

O Rio Eufrates se origina na região leste da Turquia. Atravessa a Síria e o Iraque e se une ao Rio Tigre, no Chate Alárabe. E desemboca no Golfo Pérsico.

O Rio Eufrates é o mais longo e também historicamente o mais importante da Ásia Ocidental. Ele resulta da confluência do Kara Su ou Eufrates Ocidental (450 km) e o Murat Su ou Eufrates Oriental (650 km). Isso acontece 10 km rio acima da cidade de Keban no sudeste da Turquia.

Segundo Daoudy e Frenken, o comprimento do Rio Eufrates (contando do Rio Murat até a confluência com o Rio Tigre) é de 3000 km. Sendo que 1230 Km ficam na Turquia, 710 km na Síria e 1060 km no Iraque.

A União do Rio Tigre com o Rio Eufrates

O Rio Tigre se une ao Rio Eufrates e os dois juntos formam o Rio Shatt-al-Arabe. A partir daí, banha as cidades de Diyarbakir, na Turquia; Mossul, Tikrit, Samarra e Bagdá, no Iraque.

Ao longo de quase todo o seu percurso é navegável para certos tipos de embarcações. O que proporciona à população local um excelente meio de transporte de pessoas e cargas. Sem falar nos outros benefícios, tais como a irrigação da terra e a proliferação de peixes, aves e animais ribeirinhos. Afinal, a água é fonte natural de vida. Sem ela nenhum ser vivo consegue sobreviver.

Al-Azirah é a região em que ficava a antiga Mesopotâmia. É hoje a maior parte da região compreendida entre os Rios Tigre e Eufrates.

Encontram-se nas margens do Rio Tigre as ruínas da antiga cidade Nínive; da Selência do Tigre e de Ctesifonte.

No entanto, os homens desviaram suas águas para a depressão de Tharthar, para a construção da Usina de Samarra.

Todavia, explicam que esse desvio preveniu o risco de inundação e elevou o nível da corrente.

Conclusão

Se você tinha dúvida quanto ao nome e localização dos Rios Tibre e Tigre, agora é hora de tirá-las definitivamente da cabeça.

O Rio Tibre é italiano e corre na região central da cidade. Banha Roma e desemboca no Mar Tirreno.

O Rio Tigre é asiático. Banha a Turquia, o Iraque e desemboca no Golfo Pérsico.

É isso.

Contos e Estudos Bíblicos

Receba posts do blog Contos e Estudos Bíblicos em seu e-mail.

Siga o blog Contos e Estudos Bíblicos no Twitter.

Curta a página de fãs do blog Contos e Estudos Bíblicos no Facebook.

José Guimarães e Silva